09242017Dom
Última atualizaçãoQui, 21 Set 2017

slot

Muçulmana estuprada por terroristas é restaurada após se converter ao cristianismo

Em Mossul, no Iraque, uma jovem muçulmanafoi torturada e estuprada por militantes do Estado Islâmico(EI), mas teve seu trauma curado depois de ter um encontro com Jesus Cristo.

Identificada como Nofa, a jovem é graduada em farmacologia e sonhava possuir sua própria farmácia. No entanto, seus sonhos foram paralisados depois que o grupo terrorista invadiu sua cidade e assassinou seu pai, que era oficial do exército iraquiano.

Um pouco depois do crime, os extremistas invadiram a casa de Nofa e a estupraram por dois dias. "Depois disso, ela viveu os dois piores anos de sua vida", disse o missionário da organização Christian Aid Mission. "Ela odiava os conceitos do Islã, por causa das ações do EI e da encarnação da história dos muçulmanos".

Os missionários conheceram a história de Nofa e ofereceram ajuda a elas e sua mãe. Além do apoio físico, eles concederam apoio espiritual. "Depois que falamos a Nofa sobre Cristo, ela ergueu as mãos ao céu e disse com lágrimas: 'Senhor, eu te aceito e me entrego totalmente a Você. Por favor, me tire de meus sofrimentos'", lembra o missionário.

Mais vítimas

Segundo os missionários, Nofa é apenas uma das milhares de mulheres que sofreram tais atrocidades nas mãos dos militantes do EI. Enquanto compartilham a mensagem do perdão de Cristo, os missionários ensinam às mulheres abusadas sexualmente sobre a necessidade de perdoar e mostram que este é o início do processo de cura.

As mulheres não são as únicas vítimas do grupo terrorista. Nos últimos dois anos, o grupo sequestrou milhares de crianças e as levou para campos de treinamento no Iraque e na Síria, de acordo com o Observatório Sírio para os Direitos Humanos.

O grupo lançou uma série de vídeos em sua propaganda, mostrando crianças acima de 6 anos que declaram sua ambição em se tornarem "mártires" do Islã. O principal trabalho dos missionários com essas crianças é ensiná-las a amar o próximo e aceitar a todos.

Alívio em Cristo

Em meio a estas circunstâncias, o missionário conta que muitos muçulmanos têm expressado o desejo de aprender mais sobre o Evangelho. "Através da nossa ajuda, conseguimos falar com cerca de 80 pessoas sobre Cristo”, ele revela.

"Muitos deles mostraram grande interesse e pediram uma Bíblia, mas em segredo, porque a maioria ainda está com medo do EI. Alguns deles aceitaram Jesus em seus corações e muitas mulheres procuraram a cura espiritual e física de Cristo", acrescenta.

Enquanto o exército iraquiano continua reconquistando Mossul, o número de deslocados está crescendo a cada dia, conforme disse o diretor do ministério. Ele pediu orações aos cristãos de todo o mundo enquanto continuam ministrando as pessoas que estão traumatizadas pela guerra.

"A colheita é abundante e há muito trabalho a ser feito", disse ele. "Precisamos muito de sua ajuda e de suas orações".

Fonte: Guia-me

Bingo sites http://gbetting.co.uk/bingo with sign up bonuses